News Update :

Rivaldo não está a dar-se bem com os ares de Luanda.

18/05/2012


Depois de ter mostrado a sua insatisfação com a falta de água no condomínio em que mora, o internacional brasileiro de 40 anos, que esta época transferiu-se para a Angola, após uma passagem apagada pelo São Paulo, mostrou o seu descontentamento com os horários de realização dos jogos do Girabola.

Em entrevista à Rádio Cinco, o avançado queixou-se do calor que se faz sentir em quase todo país, sobretudo em Luanda. O brasileiro defende que os dirigentes da Federação Angolana e dos clubes devem chegar a um consenso quanto à hora dos jogos no tempo de verão para evitar o sufoco dos atletas. “Somos nós quem mais sofre com toda esta situação”, disse.

Rivaldo Falando para aquele orgão de informação desportiva, enalteceu o nível competitivo no Campeonato Nacional, exaltando a entrega do conjunto do Libolo, que tem feito uma prova regular, em defesa do título que detém.
«O Girabola é uma competição muito equilibrada, com bons jogadores e também boas equipas. Nota-se muita luta pelo título, principalmente entre aquelas formações tidas como papões do futebol angolano. É só reparar na forma como está escalonada a tabela classificativa para se chegar a essa conclusão».

O jogador afirmou que ainda está numa fase de adaptação as caraterísticas do futebol angolano: «O futebol aqui joga-se mais à base do físico. As pessoas correm praticamente durante os 90 minutos, é um futebol muito duro, mas a cada dia que passa, vou me entrosando neste tipo de jogo. É o estilo que prevalece no Girabola, daí que temos que nos adaptar a ele».

O avançado do Kabuscoro disse não estar na melhor forma física e quer aproveitar a paragem no Girabola para tratar de um problema físico na sua terra natal: «Vou aproveitar esta pausa para ir ao Brasil fazer alguns exames com o meu médico, devido a este problema que tenho no joelho».

Chamado para representar as cores do Kabuscorp, o antigo internacional brasileiro estreou-se a marcar no campeonato angolano de futebol em Março, assumindo todo o protagonismo da vitória sobre o Recreativo de Caála (3-1). Com seis golos marcados em 11 jogos, Rivaldo é o quarto melhor marcador do girabola numa lista liderada pelo avançado Kêmbua do petro de  Luanda.

Detentor do titulo de melhor jogar do mundo em 1999 e de muitos outros, Rivaldo teve passagem pelo Palmeiras, Barcelona, Milan, Cruzeiro, Olympiakos e Bunyodkor, em 2012, acertou com o Kabuscorp, de Angola por um valor estipulado pela midia local de U$5.000.000.00 (cinco milhoes de dolares) uma das maiores contrataçoes da historia do futebol africano.

                                                                                                                                 Por: Danilson Costa

Share this Article on :

0 comentários:

Postar um comentário

 

© Copyright Futebol Oficial - Nosso futebol é a Lusofonia 2010 -2011 | Design by Herdiansyah Hamzah | Published by Borneo Templates | Powered by Blogger.com.